Make your own free website on Tripod.com

Jerusalém de Ouro

Festas que os Judeus Comemoram

Home
Quem são os Judeus?
Como vivem as Famílias Judaicas
Momentos importantes na vida de um Judeu
O que os Judeus fazem no Shabat
História de Jerusalém
Calendário Judaico
Quais são os Lugares sagrados dos Judeus?
Festas que os Judeus Comemoram
Em quem os Judeus acreditam?
A Estrela de Davi
Orações dos Judeus
Cozinha Judaica
Tradições de Danças dos Judeus
Contato

marcelo.jpg

Rosh Hashaná

O Rosh hashaná marca o início do ano novo judaico.
Entre os principais preceitos estão o toque do shofar e refeições festivas.
É costume as famílias se reunirem em refeições festivas

 

 

Iom Kipur

Dez dias depois de Rosh hashaná, é o dia da expiação
Os principais preceitos são serviços religiosos, jejum, toque do shofar, compenetração, expiação.

 

 

Sucot 

Festa das Cabanas - são erguidas sucot. Espécies necessárias ao rito especial da prece festiva: a palma, o cidrão, ramos de murta e galhos de salgueiro.

 

 

Shmini Atzeret  e Simchat Torá

Caracterizam por danças em público, com a Torá, e pela recitação dos capítulos final e inicial da mesma, renovando-se assim o ciclo anual de leitura.

 

 

Chanucá

comemora o triunfo dos Judeus, sob a liderança dos Macabeus, contra os dominadores gregos
Acende-se velas todas as noites até completar oito velas, começando com uma na primeira noite, duas na segunda, etc.

 

 

Tu Bishvat

Data de referência quanto ao ano sabático para as frutas das árvores, do ambientalismo como símbolos.

 

 

Purim

Recorda o salvação da comunidade judaica do Império Persa.As crianças  se fantasiam e são feitos donativos (em alimentos), leitura do livro de Ester, troca de doces e frutas.

 

 

Pessach 

Comemora o Êxodo do Egito e a libertação da escravidão.
Nas primeiras e segundas noites são realizados os sedarim que inclui a leitura da Hagadá e come-se  alimentos somente alimentos não fermentados, particularmente a matzá.
A Hagadá conta a odisséia do povo judeu na saída do Egito.

 

 

Iom Ha'atzmaut

É o Dia da Independência, o aniversário da Proclamação do Estabelecimento do Estado de Israel, em 14 de Maio de 1948. No calendário judaico corresponde ao dia 5 de Iyar.

 

 

Lag Baomer

Caracterizada por fogueiras, em comemoração a eventos ocorridos durante a revolta de Bar Kochbá contra os romanos. É o 33º dia da contagem do Omer (vide Shavuot)

 

 

Iom Ierushalaim

Marca a reunificação de Jerusalém, capital de Israel, em 1967, que estava dividida por muralhas de concreto e cercas de arame farpado quando em domínio da Jordânia (de 1948 a 1967)
 

 

Shavuot

Final da colheita de cevada e início da colheita do trigo. Aniversário da entrega da Torá no Monte Sinai.
É o período entre a saída do e a entrega da Torá (contagem do Omer - são contados 49 dias entre Pessach e Shavuot. É um período de semi-luto).
 

 

Datas tristes comemoradas

 

Iom Hashoá

Dia da Recordação dos Mártires e Heróis do Holocausto
honra-se a memória dos 6 milhões de Judeus assassinados pelos nazistas durante a segunda guerra. Neste dia, em Israel, as sirenes de alarme soam  e guardam-se 2 min. de silêncio, sob o lema de "lembrar e recordar - jamais esquecer".

 

 

Iom Hazikaron

O Dia de Recordação dos Caídos nas Guerras de Israel é dedicado à lembrança de todos aqueles que pereceram nas lutas pelo estabelecimento do Estado de Israel e por sua defesa. Em Israel, são guardados 2 min. de silêncio, juntamente com o toque das sirenes.

 

 

Tishá Be'Av

Data da destruição do Primeiro e do Segundo Templo. Neste dia são observados ritos de privação e, semelhantemente a Iom Kipur, de "aflição da alma", inclusive um jejum completo por um dia.